Pedrinho do Bazar e o carnaval de rua de Ourinhos

Arquivo Z - Jornal Biz

Curta o JornalBiz no Facebook Instagram Twitter YouTube



por Bernardo Fellipe Seixas

Em 1995 Ourinhos teve um grandioso carnaval de rua, realizado pela então Diretoria de Cultura da Prefeitura. Três escolas de samba – Barra Funda, Boa Esperança e Jardim Matilde – deram um show na avenida Altino Arantes, com baterias afiadas, carros alegóricos e todas as alas obrigatórias que uma agremiação precisa apresentar. Sergio Nunes era o carnavalesco que inspirava o carnaval de rua naquela época.

Uma das figuras mais emblemáticas foi Pedro Abujamra, o Pedrinho do Bazar. Personagem histórico de Ourinhos, ele foi destaque em um carro da Escola de Samba Unidos da Barra Funda.  “O Pedrinho tinha uma alegria contagiante e era uma pessoa que vivia e aproveitava cada minuto do carnaval. Por causa da proximidade de seu comércio, ele tinha ligação com a escola da Barra Funda, mas era querido e aplaudido por todos”, lembra Neusa Fleury, então diretora de cultura da Prefeitura e responsável pela organização do evento.

Pedrinho é aplaudido pela multidão na Av Altino Arantes. Abaixo, à direita, sua filha Rosana Abujamra.

O “Turco maluco da Antonio Prado” era dono do “Bazar do Pedrinho”, um comércio na rua Antonio Prado e ficou conhecido nacionalmente quando apresentou um “terno de defunto”, que só tinha a parte da frente, no Programa “Cidade contra Cidade”, apresentado por Sílvio Santos. O carnaval de rua de Ourinhos acabou, Pedrinho faleceu em 2001, mas as lembranças de quem viveu aquele tempo mágico que jamais serão apagadas.

A foto é de Luiz Carlos Seixas, para o Arquivo Z do Jornal Biz.

ESTEJA SEMPRE BEM INFORMADO! Envie “Quero notícias do Jornal Biz + (seu nome)” do seu WhatsApp para (14)99888-6911 e receba em primeira mão as notícias de Ourinhos e região.

CURTA O JORNAL BIZ NO FACEBOOK
Instagram @JornalBiz
Twitter @jornal_biz

1 COMMENT